Educação Física no combate à Pandemia do Coronavírus (COVID-19)

Os Profissionais de Educação Física que trabalham nos Núcleos Ampliados de Saúde da Família e Atenção Básica (NASF-AB) de Belo Horizonte estão auxiliando as ações de enfrentamento da pandemia do Coronavírus (COVID-19). A Prefeitura conta com 165 profissionais presentes em diversos pontos da cidade.

Neste atual momento em que o mundo todo enfrenta a pandemia, diversas atividades, aulas coletivas e aglomerações estão suspensas. Essa rotina de interação faz parte da Educação Física, que diariamente trabalha com o público. No entanto, os profissionais receberam a atribuição de trabalharem em conjunto com as demais categorias da saúde para que as medidas preventivas sejam potencializadas.

Os profissionais têm apoiado as ações de assistência nos Centros de Saúde, como campanhas de vacina, telemonitoramento de casos suspeitos de COVID-19, preenchimento de fichas de notificação e ações educativas em sala de espera. Assim, a Educação Física cumpre sua função de promover a saúde em diversas situações, estando sempre de prontidão para o bem da sociedade.

O atendimento aos usuários das Academias da Cidade de Belo Horizonte também continuam, mesmo de forma remota. “Os profissionais de Educação Física  têm buscado inovar as formas de cuidado ofertadas aos usuários cadastrados nas Academias da Cidade, mantendo contato com os mesmos e realizando orientações sobre a importância de se manterem ativos fisicamente dentro da nova rotina recomendada pelo isolamento social, além de fornecerem orientações gerais de promoção da saúde e autocuidado, e de medidas de prevenção ao Coronavírus”, diz em nota a Secretaria Municipal de Saúde de Belo Horizonte.

A constante assistência às pessoas que utilizam os serviços de Exercícios Físicos nas Academias da Cidade, durante este tempo em que as atividades presenciais estão suspensas, é essencial para mantê-las sempre orientadas e atualizadas em relação ao cuidado com a saúde.